segunda-feira, 16 de junho de 2008

I'm so glad I'm your little girl

A ordem não importa,
arranjo meu e seu
Combinação perfeita
Permutação
você e eu

A hora é agora,
venha me ver.
Chegue de fininho
como só você sabe fazer.

Quero colo e
quero cama
Até o amanhecer

Vamos logo,
não me engana
tô louca por você

Se você lá,
eu quero si.
Vem de ré
que eu tô sem dó.

Você embaixo
e eu no baixo,
como manda a sinfonia.

Vem depressa,
corre, anda!
Vamos fazer da nossa,
uma só melodia.

11 comentários:

Anie disse...

CARAJO!!!
amei isso, bebella, amei isso.


muito bom, parabéns.
e falo sério.

Bebella who? disse...

carajo é legal
auihieuhuiahe
em espanhol :B
ah, obrigada

Anie disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anie disse...

voltei (:
"Se você lá,
eu quero si.
Vem de ré
que eu tô sem dó."

esse pedaço me lembrou um poema simbolista. não o conteúdo, lógico. mas essa coisa da musicalidade

"A flauta flébil...
Quem há-de remi-la?"

aí a palavra "remi-la" é formada só por notas musicais, e foi mais ou menos o que você fez com algumas palavras, associando a notas. (;

Bebella who? disse...

sim sim
e opa, eu nao removi nenhum comentário ali em cima Oo

Ravi disse...

magnético

Anie disse...

eu removi!
contaram uma parte do que eu havia falado.

Bebella who? disse...

ah :B

. disse...

corra, não demore.

Abelardo disse...

me sinto intrometido por comentar nesse post hum*

Bebella who? disse...

esse post rendeu viu
vou postar mais poemas meus :B